quinta-feira, junho 23, 2005

 

Poema

onde a manhã te acorda há um silêncio de cama
a luz entra no quarto alguém te toca no ombro
é hora de fazer as malas e adormecer para o dia

Comments: Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?