domingo, julho 17, 2005

 

As mãos e os blogues (17)


A minha mão actualizada de encontro ao vidro ao encontro do céu da Sertã...

Comments:
Encostei a testa contra o vidro da janela do meu quarto e pus-me a olhar lá para bem longe...não sei onde raio vou parar assim...não era suposto haver um manual de instruções?!!Umas pistas?!Umas dicas?!Para onde é que é suposto ir?!...
 
"As mãos pressentem a leveza rubra do lume
repetem gestos semelhantes a corolas de flores
voos de pássaro ferido no marulho da alba
ou ficam assim azuis
queimadas pela secular idade desta luz
encalhada como um barco nos confins do olhar

ergues de novo as cansadas e sábias mãos
tocas o vazio de muitos dias sem desejo e
o amargor húmido das noites e tanta ignorância
tanto ouro sonhado sobre a pele tanta treva
quase nada"

Al Berto


* * *
 
Enviar um comentário

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?